Powered by Jasper Roberts - Blog

“Devolução dos Mármores do Partenon não é assunto de tribunal”

Mármores do Partenon no Museu Britânico. Foto Nathan Meijer/Flickr/CC

O governo grego acredita que a disputa antiga para a devolução das esculturas em exposição no Museu Britânico será resolvida no plano político e diplomático.

A campanha pela devolução de um dos maiores tesouros culturais da Grécia – os painéis, esculturas e parte do friso do Partenon – ganhou força nos últimos meses pela mão da advogada Amal Clooney e do escritório Doughty Street Chambers.

Num relatório elaborado para o governo grego a defender a devolução, os advogados recomendaram o recurso ao tribunal, mas o vice-ministro da Cultura Nikos Xydakis discorda: “A forma de reavermos os Mármores é diplomática e política”, referiu o governante grego, sublinhando que “os resultados nos tribunais internacionais nunca são seguros” neste tipo de ações.

Os Mármores do Partenon foram levados para Inglaterra no início do século XIX pelo embaixador Thomas Bruce, o conde de Elgin, que acabou por vendê-los ao governo britânico. Este tesouro da cultura grega é um dos mais procurados pelos visitantes do Museu Britânico, que produziu este vídeo com uma visita guiada pela escritora Bonnie Greer:

Comentários

comentários