Powered by Jasper Roberts - Blog

Governo afasta despejos nas primeiras residências

Reunião de Alexis Tsipras com a associação de bancos gregos. Foto left.gr

Alexis Tsipras reuniu com a associação de bancos gregos sobre a normalização do funcionamento bancário e a proteção aos setores sociais mais vulneráveis. E obteve o compromisso de não haver despejos nas primeiras residências ameaçadas de despejo até haver legislação que garanta a proteção dessas casas.


A proibição dos despejos nas primeiras residências tem sido garantida através de uma moratória, mas a partir do fim do mês há um vazio legal que as permite. Alexis Tsipras saiu do encontro com a presidente da União de Bancos Gregos convencido que os banqueiros não estão interessados em aproveitar-se da ausência de legislação a proteger as primeiras residências.

As medidas sujeitas a votação esta quarta-feira, de alterações ao código civil e transposição da diretiva europeia de resolução dos bancos, facilitam os despejos e leilões de casas na posse dos bancos.

Para Alexis Tsipras, “o que importa agora é regressar à normalidade do sistema financeiro, mas também assegurar a capacidade de evitar qualquer ação que afete os nossos cidadãos mais vulneráveis”. O líder do parceiro de coligação Gregos Independentes também garantiu que o risco de despejos na primeira residência não existe. “Nao vamos permitir que nenhum grego fique sem casa”, prometeu Panos Kamennos à saída de uma reunião com o primeiro-ministro.

No debate parlamentar da noite sobre as alterações ao código civil, Alexis Tsipras repetiu aos deputados que “este governo é a garantia de proteção ás primeiras residências”, prometendo que “nenhum desempregado ou trabalhador pobre irá perder a casa durante o nosso mandato”, apesar das novas leis de execução de hipotecas.

Comentários

comentários