Powered by Jasper Roberts - Blog

Atentado à bomba atinge federação patronal

Atentado contra a federação dos patrões da indústria

Uma bomba explodiu esta madrugada junto à sede da Federação da Indústria grega no centro de Atenas. A vizinha embaixada cipriota acabou por ser a mais afetada pela explosão. Um telefonema de aviso permitiu à polícia isolar a área e a explosão provocou apenas danos materiais.


A sede da federação patronal situa-se perto da Praça Syntagma, no centro da capital grega, numa rua com hotéis e escritórios. Um telefonema feito para dois jornais da capital por volta das três da manhã avisou que a bomba iria explodir naquele local dali a 40 minutos. Foi o tempo necessário para a polícia fechar a rua e avisar os clientes do hotel para não saírem dos seus quartos. O telefonema serviu apenas de aviso e não foi feita qualquer reivindicação do atentado.

Apesar de não ser o alvo deste atentado, a embaixada do Chipre acabou por sofrer os maiores danos com a explosão junto ao edifício em frente. “A nossa embaixada apanhou com o impacto total da bomba. Todas as janelas exteriores foram atingidas e há estragos incalculáveis no interior, do rés-do-chão ao sexto andar”, disse à imprensa o embaixador cipriota, Kyriakos Kenevezos.

Os atentados à bomba com características semelhantes a este não são uma novidade para a socedade grega, embora se trate do primeiro desde a eleição do atual governo. A unidade de contraterrorismo da polícia grega esteve no local toda a manhã e irá analisar os registos das câmaras de segurança instaladas nas proximidades.

Comentários

comentários