Powered by Jasper Roberts - Blog

Refugiados começam a deixar o campo de Idomeni

Refugiados saem de Idomeni

A operação de evacuação do acampamento a céu aberto junto à fronteira com a antiga república jugoslava da Macedónia vai prosseguir nos próximos dias. Cerca de 8 mil refugiados estão a ser levados para instalações de acolhimento noutras zonas do país.


Com a presença de um forte dispositivo policial, mas sem incidentes a registar, arrancou esta manhã a operação de desmantelamento do campo de refugiados de Idomeni, com a continuação do processo de transferência para unidades de acolhimento noutras zonas da Grécia. Um helicóptero da polícia sobrevoou o campo durante a operação e divulgou as imagens no Youtube:

Desde o encerramento da fronteira por parte das autoridades de Skopje, Idomeni passou de campo de passagem de refugiados para um autêntico beco sem saída. Apesar dos apelos das autoridades gregas para que os refugiados se deslocassem para os centros de acolhimento montados pelo governo grego, muitos preferiram ali ficar, na esperança de que a fronteira pudesse vir a ser reaberta.

A falta de condições neste campo improvisado que cresceu e alastrou a localidades vizinhas, e o facto de ali se encontrarem milhares de crianças, levou o governo grego a montar uma operação de evacuação semelhante à executada no porto do Pireu, em Atenas, onde também se concentravam milhares de refugiados. No caso de Idomeni, o responsável pela comissão de refugiados diz esperar que em dez dias todos possam estar realojados em seis antigas unidades industriais.

Na manhã desta terça-feira saíram treze autocarros com 600 refugiados de Idomeni com destino a Salónica, juntando-se aos mais de 2500 que ali chegaram na semana passada. A grande maioria dos refugiados não pretende ficar na Grécia, mas a falta de abertura dos países europeus para acolherem estes refugiados está a prendê-los no país. Neste momento, a Grécia tem registados 54.124 refugiados no país.

Comentários

comentários